aajogo -A ministra dos Povos Indígenas, Sônia Guajajara (PSOL-SP)recebeu alta nesta terç

Sônia Guajajara reaajogo -cebe alta após quatro dias internada

A ministra dos Povos Indígenas,ôniaGuajajararecebealtaapóaajogo - Sônia Guajajara (PSOL-SP) recebeu alta nesta terça-feira do Hospital das Clínicas, em São Paulo, onde estava internada desde a última sexta (26). De acordo com boletim médico divulgado pela instituição nesta tarde, ela deverá continuar de licença do trabalho nos próximos dias. A mandatária foi colocada em observação depois de se sentir mal durante uma agenda oficial do Ministério dos Povos Indígenas (MPI).

Continua após publicidade

“O quadro clínico evoluiu bem e os resultados dos exames de rotina mostram estado de saúde bom e estável. A paciente dará continuidade ao tratamento ambulatorial, devendo ficar afastada das atividades laborais nos próximos dias”, informa a nota, ao indicar ainda que a alta foi assinada pelos cardiologistas Sergio Timerman e Iascara Wozniak de Campos. Guajajara estava sob os cuidados do Instituto do Coração (InCor), uma das células de atendimento do Hospital das Clínicas, que é vinculado à Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP). 

A ministra havia se internado após verificação de alteração na pressão arterial na sexta. Inicialmente, ela foi atendida no Hospital Regional da Asa Norte (Hran), unidade pública localizada no Plano Piloto de Brasília, onde fez os primeiros exames clínicos. Horas depois foi transferida para o estado de São Paulo, motivo pelo qual desmarcou compromissos oficiais previstos para o último final de semana.

Sônia Guajajara é considerada uma das principais porta-vozes da agenda dos povos indígenas no país e está à frente do MPI desde janeiro de 2023, quando o presidente Lula (PT) tomou posse para cumprir o terceiro mandato e criou a pasta. Antes disso, ela atuava na coordenação-executiva da Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (Apib), da qual se afastou para assumir o cargo no governo. Sônia é também deputada federal pelo estado de São Paulo, mas está temporariamente licenciada do mandato para atuar no ministério.

Edição: Matheus Alves de Almeida


Relacionadas

  • Sônia Guajajara é atendida em hospital após passar mal em compromisso

  • Sônia Guajajara espera que Senado reveja marco temporal e acena com negociação de nova proposta

  • Em encontro com Sônia Guajajara, lideranças guaranis do Oeste do PR pedem demarcação de terra

Outras notícias

  • Prefeito de SP diz que escolas estão com energia para provas do Enem; Enel não confirma números

  • Brasil tem 177 mil mortes por covid, enquanto governo erra ao aplicar recursos

  • País registra recorde de 1.349 mortes por covid-19 nas últimas 24 horas

BdF

  • Quem Somos

  • Parceiros

  • Publicidade

  • Contato

  • Newsletters

  • Política de Privacidade

Redes sociais:


Todos os conteúdos de produção exclusiva e de autoria editorial do Brasil de Fato podem ser reproduzidos, desde que não sejam alterados e que se deem os devidos créditos.

Visitantes, por favor deixem um comentário::

© 2024.cc777sitemap